A Campanha "Novembro Azul" será lançada nesta segunda-feira em todo o país.

Depois do "Outubro Rosa", voltado para o combate ao câncer de mama, é a vez de conscientizar os homens para ações preventivas no combate ao câncer de próstata



O câncer de próstata é o segundo mais frequente no sexo masculino, só atrás do de pulmão. "A campanha tem o objetivo de informar e diminuir a mortalidade provocada pelo câncer de próstata, a partir da conscientização dos homens em fazer o exame a partir dos 50 anos", explica o médico Alfredo Canalini, que é membro da Comissão de Comunicação da Sociedade Brasileira de Urologia (SBU)...

A ação conta com atividades em todos os estados brasileiros. Haverá palestras informativas, intervenções em eventos pelas cidades, bem como a iluminação de pontos turísticos.

Segundo a Sociedade de Urologia, a importância da prevenção se dá pelo fato de os tumores de próstata demorarem a se manifestar. "O exame consiste no toque retal e na dosagem no sangue de uma substância chamada antígeno prostático específico. São exames iniciais da avaliação do homem e, a partir do resultado, caso haja alguma alteração que leve a uma suspeita da doença, o médico decide quais serão os próximos passos", diz Canalini.

A prática do exame preventivo diminui em aproximadamente 21% a taxa de mortalidade pela doença. Dados do Instituto Nacional do Câncer (Inca), apontam que até o final deste ano, serão diagnosticados 68.000 casos.




Últimas