“Minha vida acabou” Mãe que bateu no filho por causa de vídeo íntimo é de BH


O vídeo em que uma mãe resolve educar seu filho de 15 anos lhe expondo a uma situação constrangedora viralizou na noite desta quinta-feira (4). Embora possa ser considerado controverso, a grande maioria dos internautas aprovou a atitude tomada pela mulher. Para muitos, é necessário que mais mães se espelhem na atitude dela, para formar bons cidadãos.

Depois da grande repercussão, descobriu-se a identidade da mulher. Se trata de Carol Latalisa, de Belo Horizonte. Segundo ela, o propósito não era espalhar o vídeo pela internet, mas sim, mostrar para a ex-namorada do filho que a atitude do garoto não era aprovada pela família. Segundo ela, foi a ex-namorada a responsável pela divulgação das imagens. “Era pra ser entre nós… Minha vida acabou”, disse ela nas redes sociais.

Em entrevista ao portal de notícias G1, ela disse que: “Eu não tenho mais paz. Sei que errei em filmar as chineladas, mas nunca faria isso se soubesse que essa ex [namorada] dele era capaz disso. Agora terei que viver sabendo que fiz meu filho virar piada entre as pessoas e que corre perigo”.

Ela contou que não o foi o filho quem compartilhou o vídeo, e que o ‘coro’ foi dado porque ele filmou, o que também não deveria ter feito.
twitter_mae