Campanha do governo contra febre aftosa pretende imunizar 7,5 milhões de bovinos

Exibindo Foto3_Divulgação - Governo realiza vacinação simbólica da campanha contra febre aftosa.JPG

O Governo do Maranhão lançou oficialmente, nesta terça-feira (5), a Campanha Estadual de Vacinação contra a Febre Aftosa. Para marcar o início da campanha, uma vacinação simbólica foi realizada na Fazenda Curitiba, em Pinheiro, na Baixada Maranhense. O vice-governador Carlos Brandão representou o governador Flávio Dino no evento. A meta do governo é encerrar a primeira da vacinação, no dia 31 de maio, com 7,5 milhões bovinos imunizadas. A campanha abrange também os rebanhos bubalinos. Os criadores terão até o dia 15 de junho para comprovar a vacinação dos rebanhos nos escritórios da Agência Estadual de Defesa Agropecuária (Aged).

“Nosso governador faz questão de manter o Maranhão na condição de Zona Livre da Aftosa, fomentando a vacinação de pelo menos 95% dos rebanhos maranhenses, a cada etapa da campanha”, afirmou o vice-governador Carlos Brandão, que tem formação de médico veterinário.

Baixada Maranhense

Um dos principais objetivos do lançamento da campanha em Pinheiro foi incentivar a vacinação especialmente entre os criadores da Baixada Maranhense. O secretário de Estado da Agricultura e Pecuária, Márcio Honaiser, explicou que a Baixada Maranhense é a justamente a região que apresenta menor índice de vacinações contra a aftosa. “Não importa o tamanho do rebanho, tenham a certeza de que iremos reverter o quadro na região”, afirmou.

Para Genival Abraão, proprietário da Fazenda Curitiba, a iniciativa do Governo do Maranhão foi positiva. “Essa ação do governo está de parabéns, porque beneficia não só a Baixada Maranhense, mas o estado como um todo”.


Exibindo Foto2_Divulgação - Governo realiza vacinação simbólica da campanha contra febre aftosa.JPG
Carlos Brandão chamou atenção para a responsabilidade dos criadores na manutenção da certificação internacional para o Maranhão. “Essa responsabilidade é dividida entre o governo e os responsáveis pelos rebanhos”, lembrou. Ele destacou o engajamento dos prefeitos, criadores e servidores da Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (Aged) para o sucesso da campanha. Ao final do evento, todos participaram da vacinação simbólica dos animais da Fazenda Curitiba, no combate à febre aftosa.

O vice-governador foi ao lançamento da campanha acompanhado do secretário de Estado de Agricultura e Pecuária, Márcio Honaiser; do presidente da Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão, Sebastião Anchieta; e do superintendente de Articulação Política da Baixada Maranhense, Luciano Genésio. Também participaram do evento o vice-prefeito de Pinheiro, César Soares, que representou o prefeito Filuca Mendes; o vice-prefeito de Santa Helena, Fernando Crente; o prefeito de Peri-Mirim, João Felipe; e o prefeito de Matinha, Beto Pixuta, além de lideranças políticas locais; e ainda o representante do Ministério da Agricultura e Pecuária, Jorge Luís Nascimento; o representante do Fórum da Baixada Maranhense, Glauber Fontenele.


Últimas