Comissão Interinstitucional de Estudos sobre Violência discute segurança pública do Estado

Exibindo Foto 1 Imesc - Comissão Interinstitucional de Estudos sobre a Violência discute segurança pública do Estado.jpg

Diagnosticar, monitorar e avaliar políticas referentes à Segurança Pública do Estado do Maranhão foi o tema da reunião realizada pela Comissão Interinstitucional de Estudos sobre a Violência, na quinta (18), no Instituto Maranhense de Estudos Socioeconômicos e Cartográficos (Imesc).

 Além do Imesc, a comissão, que é formada pelo Ministério Público do Maranhão (MP), Secretarias de Estado de Segurança Pública (SSP) e de Direitos Humanos e Participação Popular (Sedihpop), Universidades Federal do Maranhão (Ufma) e Estadual do Maranhão (Uema), se constitui em fórum permanente pelo diagnóstico, o desenho de estratégias, o monitoramento e a avaliação de políticas e ações relacionadas ao tema da segurança pública.

Um dos papéis do Imesc é a celebração de um convênio com a Secretaria de Segurança Pública e Ministério Público do Estado, para a construção de um banco de dados georreferenciado, capaz de registrar e visualizar em mapas, as várias camadas de informações relacionadas ao tema, um importante instrumento para o diagnóstico, monitoramento e avaliação pertinentes aos temas de segurança pública no Estado do Maranhão.

Neste encontro, estiveram representantes da SSP e do MP, para discutir as possibilidades tecnológicas, a proposta de reformulação do centro de videomonitoramento para uma melhoria com estudos avançados e georreferenciados, e foi apresentado o modelo do banco de dados geoespacial da violência criado pelo Imesc.

O Banco de Dados será formatado a partir das informações tabulada fornecidas pela SSP e pelo MP, relativos às ocorrências policiais de Crime Violento Letal Intencional (CVLI) e Crime Violento Não Letal Intencional (CVNLI), enquadrados nas categorias de quantitativo de ocorrências por municípios, endereço, cor,faixa etária, data e horário e motivação.

A discussão deve se ampliar a partir das reuniões que já ocorrem a cada 15 dias no Imesc.“O Imesc está cumprindo o papel institucional de subsidiar a elaboração e avaliação das políticas públicas, nesse eixo tão importante que é a segurança pública”, frisou o presidente do Instituto, Felipe de Holanda.

Participaram da reunião, o presidente do Imesc, Felipe de Holanda; o diretor de Estudos Ambientais e Geoprocessamento do Imesc, Josiel Ferreira; os assessores jurídicos do Imesc, George Adriano e Frederico Augusto; o pesquisador Yata Anderson; o secretário adjunto da Secretaria de Segurança Pública, Saulo Ewerton; a secretária da Juventude, Tatiana Pereira;o promotor de Justiça do MP/MA, Cláudio Cabral; os coronéis Antônio Roberto dos Santos e José Guerra Luongo, da Secretaria de Segurança Pública; e a Secretaria-Adjunta de Programas, Projetos e Captação de Recursos da Sejuv, Paula Falbo.

Últimas