Drop Down MenusCSS Drop Down MenuPure CSS Dropdown Menu

Protocolado Comissão Parlamentar de Inquérito para investigar Ricardo Murad

Ricardo Murad será investigado por supostas irregularidades na saúde pública
Ricardo Murad será investigado por supostas irregularidades na saúde pública

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI), que vai investigar supostas irregularidades na aplicação de recursos públicos destinados à saúde pública, foi protocolada na manhã desta quarta-feira (08), com 29 assinaturas. A CPI foi proposta pelos deputados Rafael Leitoa (PDT), e Fernando Furtado (PCdoB).
A base das investigações será o superfaturamento na construção e no pagamento por projetos e obras de engenharia, além de pagamentos por obras inexistentes, superfaturamento de contratos de locação de aeronaves, fraudes e dispensas indevidas de licitação e desvio de finalidade.
O presidente, vice-presidente, relator e os demais sete membros que irão compor a CPI, serão apontados após o requerimento ser publicado no Diário da Assembleia Legislativa desta quinta-feira (09), e logo após entrará em vigor.
Para ser instalada, a CPI precisaria da assinatura de pelo menos 14 parlamentares, sendo protocolada por 29 deputados.
Veja abaixo os deputados que se manifestaram para a instalação da CPI que investigará as irregularidades da Secretaria de Saúde, durante o mandato de Ricardo Murad, no período de abril de 2009 a dezembro de 2014.
Rafael Leitoa (PDT), Fernando Furtado (PCdoB), Josimar de Maranhãozinho (PRB), Othelino Neto (PCdoB), Rogério Cafeteira (PSC), Professor Marco Aurélio (PCdoB), Humberto Coutinho (PDT), Eduardo Braide (PMN), Glalbert Cutrim (PRB), Ana do Gás (PRB), Edson Araújo (PSL), Carlinhos Florêncio (PHS), Stênio Rezende (PRTB), Rigo Teles (PV), Zé Inácio (PT), Ricardo Rios (PEN), Fábio Macedo (PDT), Paulo Neto (PSDC), Raimundo Cutrim (PCdoB), Valéria Macedo (PDT), Vinicius Louro (PR), Júnior Verde (PRB), Edivaldo Holanda (PTC), Sérgio Frota (PSDB), Fábio Braga (PTdoB), Francisca Primo (PT), Wellington do Curso (PPS), DR. Levi Pontes (SD), Cabo Campos (PPS).

fonte: Blog do Neto Ferreira

Nenhum comentário:

Postar um comentário