Como se cadastrar para receber o auxílio emergencial com o app da Caixa

Caixa Auxílio Emergencial é o aplicativo da Caixa Econômica Federal para o cadastro de trabalhadores informais que desejam solicitar o benefício R$ 600 oferecido pelo governo para ajudar as famílias de baixa renda durante a pandemia do novo coronavírus. 

Iniciado nesta terça-feira (7), o registro pode ser feito pelo celular por meio do app, disponível para Android e iPhone (iOS). O calendário de pagamento do "coronavoucher" deve se iniciar na próxima quinta-feira (9).




Quem tem direito aos R$ 600 do governo

Para receber o benefício, é preciso saber quem tem direito ao benefício do governo e se enquadrar nos critérios para receber o "coronavoucher". Podem solicitar o auxílio trabalhadores informais, desempregados, MEI e contribuintes individuais do INSS. Mulheres que forem mães e chefes de família podem receber duas cotas por mês, totalizando R$ 1,2 mil, desde que cumpram todos os requisitos do benefício.

Também é necessário ter mais de 18 anos de idade, não possuir emprego formal, ter renda mensal de até três salários mínimos (R$ 3.135) por família, ter renda mensal de até meio salário mínimo por pessoa (R$ 522,50) e não estar recebendo outros benefícios previdenciários ou assistenciais, como seguro desemprego (exceto o Bolsa Família). Confira, no tutorial a seguir, como fazer inscrição para ajuda do governo pelo app Auxílio Emergencial.

Como se cadastrar para receber o auxílio emergencial

Passo 1. Antes de começar, o usuário deve baixar o aplicativo Caixa Auxílio Emergencial. Após a instalação, abra o app e toque em "Realize sua solicitação". Depois, leia as condições para solicitar o benefício e marque a declaração de que se enquadra no perfil e a autorização de validação das informações. Em seguida, toque em "Tenho os requisitos, quero continuar";





Passo 2. Preencha seu nome, CPF, data de nascimento e nome da mãe. Confirme o captcha e toque em "Continuar";




Passo 3. Informe o número do seu celular e a operadora e toque em "Continuar". Você receberá um código de validação por SMS. Na tela seguinte, informe o código que recebeu e toque em "Continuar";




Passo 4. Informe sua renda mensal, sua atividade profissional, sua localização e toque em "Continuar";



Passo 5. Na seção "Quantidade de membros", digite quantas pessoas moram na sua casa, incluindo você. Depois, toque em "Adicionar membro da família";



Passo 6. Informe o grau de parentesco, o CPF da pessoa e a data de nascimento. Repita o procedimento até informar todos os membros da sua casa. Ao final, vá em "Continuar";




Passo 7. É preciso informar a conta bancária na qual será depositado o benefício — a conta deve ser obrigatoriamente registrada no mesmo CPF do solicitante. Caso possua uma conta, toque em "Receber em conta existente". Depois, informe o seu banco, o tipo da conta e os números da agência e conta. Finalize em "Continuar";




Passo 8. Caso não tenha uma conta, toque em "Abrir uma conta e receber", para que a Caixa crie uma conta bancária digital para você receber o pagamento do "coronavoucher". Depois, informe seu documento de identidade, que pode ser RG ou carteira de habilitação, e digite os dados. Finalize em "Continuar";



Passo 9.
Veja o resumo da solicitação na tela e marque o check "✓" de confirmação das informações. Finalize o cadastro no botão "Concluir sua solicitação" e veja na tela o aviso de que o pedido foi enviado para análise.




Como consultar o status da solicitação do auxílio emergencial
Passo 1. Depois de fazer o cadastro, abra o aplicativo Caixa Auxílio Emergencial e toque em "Acompanhe sua solicitação". Depois, informe seu CPF e confirme o captcha;




Passo 2. Digite o código enviado por SMS e toque em "Continuar". Então, veja na tela a situação atual da sua solicitação.



Verificando o status da solicitação do auxílio emergencial no app da Caixa — Foto: Reprodução/Rodrigo Fernandes

Últimas