Morador do povoado Morro dos Caboclos se envolve em acidente que deixa uma pessoa morta em MG


Alan Brito Sousa (35) morador do povoado Morro dos Caboclos, município de Trizidela do Vale (MA) conduzia um ônibus com aproximadamente 55 pessoas dentro, quando se envolveu em um acidente deixando uma pessoa morta e vários feridos na noite deste domingo 12/9 ao tombar em uma estrada vicinal entre os municípios de São Gotardo e Matutina em Minas Gerais. 

De acordo com informações a vítima fatal foi uma mulher de 25 anos encontrado já sem vida, presa entre a parte lateral traseira do lado direito do referido veículo e um barranco, identificada posteriormente como Ivanilde S.S., natural da cidade de São Luís Gonzaga do Maranhão/MA, moradora da cidade de São Gotardo.

As demais pessoas que também estavam no veículo de transporte de passageiros ficaram feridas e precisaram ser encaminhadas para hospitais nas cidades de Matutina, São Gotardo e Patos de Minas.

Como aconteceu

Segundo relatos de algumas vítimas do fato à Polícia Militar de São Gotardo, por volta das 23h30min, diversas pessoas estavam reunidas em um bar na cidade de São Gotardo onde estavam ingerindo bebidas alcoólicas, quando duas mulheres teriam os convidado para irem à um forró na zona rural de Matutina e que o ingresso do evento juntamente com o transporte custaria cerca de R$ 35,00 (trinta e cinco reais). Ao todo, cerca de 55 pessoas teriam embarcado no ônibus, informou a PM à Imprensa.

Ainda segundo testemunhas do fato, por volta da 00h30min, quando já estavam na estrada vicinal que liga Matutina à Abaeté de Baixo, alguns passageiros que estavam nas primeiras poltronas do ônibus começaram a gritar dizendo que o ônibus havia perdido o controle e também o freio e que, logo após ouvir os gritos, o ônibus saiu da estrada, bateu no barranco e colidiu com a lateral direita na vegetação e em galhos na beira da estrada, ficando preso e sustentado por uma árvore, poucos metros de cair em um córrego.

Ao chegarem no local do acidente, foi constatado pelos militares diversas pessoas machucadas e o ônibus que transportava as vítimas, capotado. Ainda de acordo com a Polícia, presa entre a parte lateral traseira do lado direito do referido veículo e um barranco, foi encontrado o corpo de uma mulher já sem vida, identificada posteriormente como identificada como Ivanilde S.S., natural da cidade de São Luís Gonzaga do Maranhão/MA, de 25 anos de idade e moradora da cidade de São Gotardo.

As vítimas que foram encaminhadas para Matutina e São Gotardo foram assistidas pelos respectivos médicos de plantão, onde alguns ficaram sob observação, com a maioria liberados após atendimento médico. Uma vítima foi transferida para a cidade de Patos de Minas, para realizar uma cirurgia no braço esquerdo, que foi fraturado em decorrência do acidente. O motorista do ônibus não foi localizado no local do acidente nem junto às vítimas que foram levadas para atendimento médico, sendo ele localizado posteriormente em São Gotardo. Após ser submetido ao teste de alcoolemia, foi constatado resultado negativo para embriaguez.

Ao militares, o motorista Alan Brito deu sua versão sobre os fatos e relatou que teria abandonado o local do acidente porque temia ser linchado pelas vítimas, pois as mesmas estavam muito agressivas. O homem relatou ainda que o ônibus apresentou problemas mecânicos ocasionando a perda do ar que aciona o sistema de frenagem do veículo. Porém, essa versão foi negada pelas vítimas ouvidas. Diante das informações o motorista recebeu voz de prisão e foi informado sobre seus direitos constitucionais e posteriormente a confecção do Boletim de Ocorrência, ser apresentado a autoridade judiciária de plantão na cidade de Patos de Minas, para demais esclarecimentos judiciais.





 Ivanilde S.S., natural da cidade de São Luís Gonzaga do Maranhão/MA,